Surpresas distintas

Especial Copa 2010 – Primeira rodada (grupo E)

No quarto dia de Copa, dois jogos bem diferentes mas ambos surpreendentes. O primeiro pela Holanda, que chegou com pompa de favorita mas demorou a se impor sobre a fraca Dinamarca. Já na outra partida, o Japão mostrou organização tática e superou Camarões, do craque Samuel Eto’o.

No jogo entre Holanda e Dinamarca, os escadinavos decepcionaram. Os talentos individuais não apareceram e o time é fraco, com uma defesa risível. Não à toa, marcou o primeiro gol contra da Copa na África. Mas a Holanda, apesar de dominar o jogo, se aproveitou pouco dessa deficiência. A habilidade de Robben fez muita falta ao time, que jogou melhor no depois da entrada de Elia, no segundo tempo.

Com a vitória por 2×0, a Holanda, ao lado da Alemanha, é apenas a segunda favorita a assumir a liderança do seu grupo na primeira rodada. A outra vaga do grupo E, por enquanto, vai ficando com o Japão. Os samurais não fizeram uma grande partida mas foram mais organizados e objetivos que o time de Camarões. Eto’o jogou bem mas foi exigido nas armações de jogadas que não tinham finalização. Foi um jogo equilibrado e fraco tecnicamente.

O Japão deu um importante passo rumo às oitavas e acho que, com essa vitória, tem chance de se classificar. Mas não deve passar daí.

Anúncios