Seleção de Mano Menezes tem “futuros Decos”

Depois de 13 anos na Europa, Deco voltou ao futebol brasileiro. Antes de desbravar gramados europeus, o luso-brasileiro pouco havia atuado no Brasil. Iniciou a sua vida no futebol juvenil do CSA de Alagoas e, entre 96 e 97, passou pelo Juventus da Mooca, Nacional da Barra Funda (SP), transferiu-se para o Corinthians e foi vendido para o Benfica. O restante dessa história, a gente conhece: Porto, Barcelona, Chelsea e Fluminense, aos 32 anos.

Na renovada seleção de Mano Menezes, alguns atletas tiveram o início da trajetória futebolística parecido com o de Deco. Carlos Eduardo (meia), David Luiz (zagueiro), Ederson (meia), Rafael (lateral direito) e Henrique (zagueiro) jogaram pouco tempo em clubes nacionais e foram muito cedo para a Europa. Desconhecidos pela torcida brasileira, alguns já são ídolos lá fora e todos têm futuro promissor (leia mais sobre eles).

davidluiz

Ídolo do Benfica, David Luiz é um dos convocados que fazem carreira na Europa

Por isso, o desfecho das carreiras desses meninos pode ser o mesmo de Deco. Não imagino nenhum deles voltando ao futebol nacional antes de se consolidarem na Europa. Acho mais provável vê-los jogando no Brasil pela seleção, em 2014, antes de voltarem a vestir o uniforme de um clube brasileiro. Um lamento para a torcida e uma lição para os dirigentes.

nnnnn

Anúncios