O outro lado do Departamento Médico do Fluminense

Enquanto as críticas de Fred ao dr. Michael Simoni repercutem na mídia, por trás do holofotes uma discreta loirinha trabalha duro no Departamento Médico tricolor para manter o elenco saudável. É Renata Faro, nutricionista responsável por controlar, ou melhor, educar o apetite dos atletas.

No Fluminense desde 98, Renata trabalhou com as categorias de base antes de cuidar da alimentação dos jogadores profissionais. Depois de tanto tempo de convívio, ela já tem uma habilidade especial para lidar com um universo prioritariamente masculino:

– Não vejo diferença entre homens e mulheres. Enxergo uma empatia natural, tem a ver com afinidade. Depois que se acostumam com você não veem essa diferença de sexo. O jogador fala desde alimentação até sobre namoradas. – afirmou em entrevista ao Lancenet.

Renata na cozinha do hotel onde o Flu fez a pré-temporada de 2008

Mas a nutricionista também já teve uma experiência no futebol feminino. Ela acompanhou a delegação brasileira nos Jogos Olímpicos de Atenas (2004), quando a seleção feminina de futebol conquistou a medalha de prata.
nnnn