Marta, a melhor de sempre

Se ela não chorasse, a emoção não seria a mesma.

Se não a escolhessem, a eleição não teria o mesmo brilho.

Se não lembrasse a família e as companheiras, não seria a Marta.

Gênio, rainha, mito… mas humilde e carismática.

E, claro, habilidosa, talentosa… demais!

Por isso ela é o que é

Cinco vezes melhor do mundo.

E eternamente a melhor de sempre.

Parabéns, Marta!

nnnnnn