Marta cobra estrutura para futebol feminino nacional

Foto: site O Fluminense

Em entrevista ao jornal O Fluminense, nossa rainha falou sobre a Copa do Mundo Feminina, que será realizada este ano na Alemanha. Marta espera uma competição difícil, porém um grande espetáculo para o público.

Sobre seu futuro após o término do contrato com o Santos, a melhor do mundo disse que deve voltar aos Estados Unidos. Mas ela reafirmou seu sonho de jogar uma temporada completa no Brasil. Marta cobrou mais empenho das instituições nacionais:

“Para que o futebol feminino possa crescer mais, é preciso uma atuação por parte do governo, da CBF e da iniciativa privada. Para que seja algo estruturado.”, disse a jogadora.

Leia a entrevista na íntegra