100 dias

Foto: site FIFA

Neste dia 18/3, a contagem regressiva acelera, pois o Mundial Feminino da Alemanha estará há cem dias de começar. Enquanto a bola não rola, a seleção brasileira vai se preparando e a FIFA segue promovendo a competição pelo mundo. Na próxima segunda-feira, a entidade realiza um simpósio para a imprensa no Rio de Janeiro (mais). Já na Ásia, Joseph Blatter inaugurou um CT no país de Laos no último dia 16, mesma data da apresentação da seleção brasileira para a primeira etapa de treinamentos.

As 24 convocadas se estão na Granja Comary sem Marta e Maurine. Por não ser uma data da FIFA elas não foram liberadas pelo New York Flash (mais). Nesta fase, as jogadoras não farão jogo-treino ou amistosos. O técnico Kleiton Lima, que estará na coletiva de imprensa segunda-feira, afirmou que vai concentrar os trabalhos em avaliações físicas e treinos técnicos. Particularmente, acho um tremendo desperdício da oportunidade, especialmente considerando que as outras seleções têm realizado amistosos como preparação para o Mundial.

As brasileiras terão outro período de treinamentos em abril, antes da convocação final em 23/5. Até lá, a expectativa é de que a seleção possa contar Marta e Maurine, além de Grazi e Renata Costa que se recuperam de cirurgia. Dia 6/6, as jogadoras se apresentarão novamente e o embarque da deleção brasileira está agendado para 21/6. O Mundial da Alemanha será realizado de 26/6 a 17/7. O Brasil está no grupo D e estreia contra a Austrália dia 29/6.

Atual vice-campeã da competição, a seleção brasileira quer conquistar o título inédito. Eleita cinco vezes melhor jogadora do mundo, Marta afirmou recentemente que “chegou a hora do Brasil” (leia a entrevista). A equipe de Kleiton Lima está entre as favoritas, ao lado da campeã Alemanha e dos Estados Unidos, bicampeões do torneio. A Copa do Mundo de Futebol Feminina é organizada pela FIFA desde 1991, sendo sempre no seguinte ao mundial masculino. Em 2015, a tendência é que o Canadá sedie o próximo Mundial Feminino.

Advertisements