Bombril amplia investimento no futebol feminino

A marca de produtos de limpeza anunciou injeção R$ 10 milhões na categoria, por meio de contratos de patrocínio. O valor é o dobro do que a empresa investiu nos torneios internacionais realizados em São Paulo no início deste ano. O investimento faz parte da nova estratégia de marketing da Bombril, que valoriza o protagonismo da mulher.

É sempre bom ver uma grande marca atrelada ao futebol feminino e com vontade de apoiar a modalidade. Certamente, outras empresas também podem ter interesse neste tipo de investimento. Iniciativas como esta da Bombril são raras, mas a proposta de patrocínio pode partir dos clubes, desde que estes apresentem projetos estruturados aos departamentos de Marketing de empresas que tenham a mulher como público-alvo.

Como já disse por aqui, não adianta esperar pela CBF. É claro que com o apoio da entidade máxima do futebol nacional, organizar torneios pode ser mais fácil. Porém o próprio futebol masculino tem exemplos de torneios organizados de forma independente pelos clubes que depois foram encampados pela CBF. Acredito que este caminho seja o mais viável para organizar e alavancar o futebol feminino no país.