Brasil x Argentina nem sempre é clássico

A nuvem do vulcão chileno Puyehue-Cordón Caulle impediu a realização do jogo entre as seleções femininas de Brasil e Argentina. O clássico seria realizado nesta quinta-feira, 16/6, em Pernambuco. Mas este jogo seria realmente um clássico?

Muitos diriam que uma disputa entre brasileiros e argentinos é clássico até em cuspe à distância. Eu discordo. Quando se trata de futebol feminino, Brasil e Argentina estão em patamares absolutamente diferentes. Vamos aos dados…

A Argentina, 33ª colocada no ranking da FIFA, conquistou apenas um título em toda sua história (Copa América 2006) e não chegou perto de se classificar para o Mundial da Alemanha. As hermanas, aliás, participaram de somente duas das sete edições da Copa do Mundo Feminina – e em ambas foram eliminadas na primeira fase sem marcar pontos.

Fora o fato de contar com a melhor jogadora de todos os tempos, a seleção brasileira ainda carrega uma bagagem respeitável de títulos (por exemplo, TODAS as demais Copa América!). Não à toa, o Brasil é terceiro colocado no ranking da FIFA e um dos favoritos ao título mundial que começa no próximo dia 26. Estivemos em cinco Copas do Mundo, duas delas chegando à final – assim como em duas decisões olímpicas.

Portanto, você que tem ingresso para ir ao Arruda, aproveite. Afinal terá a oportunidade de ver, ao mesmo tempo: 1) a Marta;  2) uma das melhores seleções femininas do mundo; e 3) promessas do nosso futebol feminino que atuarão pela seleção de Pernambuco, adversária do Brasil no lugar da Argentina.

Entenda que a CBF deu à nossa seleção feminina uma das piores estruturas pré-Copa do Mundo de que se tem conhecimento. Este Brasil x Argentina foi uma manobra para atrair público e mídia, numa tentativa de mascarar que as meninas estão indo para o Mundial com mais raça e talento do que preparo. Para mim, foi uma doce ironia este pseudo-clássico não acontecer. Pelo menos, todas a jogadoras em campo serão brasileiras e o nosso futebol feminino terá raros 90 minutos de visibilidade rede nacional de TV aberta, no horário nobre. O jogo entre Brasil e Seleção de Pernambuco será transmitido pela Band, a partir das 21h45.

Advertisements