Entrevista com Juliana Cabral, ex-zagueira da seleção feminina

Atualmente comentarista da Rede TV, no programa Belas na Rede, Juliana Cabral já tinha seu nome associado ao futebol feminino antes mesmo de ganhar a prata olímpica com a seleção, em Atenas. Ex-zagueira do Sport e do Corinthians, Juliana concedeu entrevista ao blog Pitaco Feminino.

Ela lembrou o ínicio da sua relação com a bola, quando jogava com o irmão e os amigos – a contragosto da mãe – e falou sobre o fim da carreira, considerado precoce por muitos. Juliana também comentou a situação atual do futebol feminino no Brasil e a (má) preparação da seleção brasileira para o Mundial da Alemanha, que começa dia 26/6.

“É uma seleção muito jovem, com algumas jogadores experientes, e que sofre com a falta de preparação para a competição. São poucos torneios disputados, quase nenhum amistoso com potências do cenário do futebol feminino e o curto tempo de preparação. Enfrentaremos seleções que estão acostumadas a jogarem entre si, com mais de 50 jogos amistosos, talvez – sem incluir número de jogos de torneios e seleções que muitas vezes são permanentes. Ou seja, se preparam o ano inteiro. Assim que acaba uma competição já começam a se preparar para outra, não esperam chegar o ano da competição.”, lamentou a ex-zagueira.

Confira a entrevista da íntegra